Avaliação da aprendizagem: percepções docentes em sessões tutoriais de um curso de medicina na Amazônia

Marília de Fátima Silva Pinheiro, Milena Coelho Fernandes Caldato, Jackson Cordeiro Lima, Fabíola de Carvalho Chaves de Siqueira Mendes

Resumo


O método PBL (Problem Based Learning - Aprendizagem baseada em problemas) é uma dinâmica curricular que tenta responder às demandas contemporâneas para o ensino da Medicina. Essa metodologia ocorre no formato de sessão tutorial e utiliza como avaliação, aquela de natureza formativa. Objetivo: com o objetivo de analisar o processo de como essa avaliação acontece nas sessões tutoriais de um curso de Medicina em uma instituição de ensino superior privada, foi realizado um estudo transversal com docentes do Curso. Métodos: a pesquisa utilizou questionários com perguntas fechadas. Resultados: 48% dos docentes eram do sexo feminino; com relação à titulação acadêmica, haviam 59% mestres, 26% doutores e 15% especialistas. Observou-se que, 77,8% dos tutores sempre utilizaram a planilha de avaliação, 73% concordaram com as pontuações dos critérios dessa planilha, mas solicitaram rever determinados pontos. Docentes citaram como característica mais importante para ser um bom tutor ter o conhecimento técnico e a menos importante, ter abertura às críticas. Conclusão: com base nos resultados, sugere-se que, são necessárias mudanças na descrição e nas pontuações dos critérios dessa planilha de avaliação e que as dinâmicas de grupo devam ser revistas regularmente pelos tutores, além de acesso a programas de treinamento e de desenvolvimento profissional contínuo para estes professores.


Palavras-chave


Avaliação. Tutoria. Aprendizagem baseada em problemas

Texto completo:

PDF

Referências


Brasil. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES n. 4, de 7 de novembro de 2001. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2001, Seção 1, p. 38.

Gomes R, Brino RF, Aquilante AG, Avó LRS. Aprendizagem Baseada em Problemas na formação médica e o currículo tradicional de Medicina: uma revisão bibliográfica. Rev Bras Educ Med. 2009;33(3):433-40. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-55022009000300014.

Toledo Júnior ACC, Ibiapina CC, Lopes SCF, Rodrigues ACP, Soares SMS. Problems-based learning: a new reference for constructing the medical curriculum. Rev. Méd. de Minas Gerais. 2008;18(2):123-31. http://rmmg.org/artigo/detalhes/521

Perrenoud P, Zeichner KM, organizadores. A pesquisa na formação e no trabalho docente. Belo Horizonte: Autêntica; 2002.

Suhr IRF. Processo avaliativo no ensino superior. Curitiba (PR): IBPEX; 2008.

Cunha MI. Docência na universidade, cultura e avaliação institucional: saberes silenciados em questão. Rev Bras Educ. 2006;11(32):258-71. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-24782006000200005.

Troncon LEA. Avaliação do estudante de medicina. Medicina, Ribeirão Preto. 1996;29(4):429-39.

Freire P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra; 1999.

Fernandes D. Para uma teoria da avaliação formativa. Rev Port Educ. 2006;19(2):21-50.

Veiga IPA, Naves ML. Currículo e avaliação na educação superior. In: Mendes, OM. Avaliação formativa no ensino superior: reflexões e alternativas possíveis. São Paulo (SP): Junqueira & Marin; 2005. p. 175-197.

Horta FMB. A sessão tutorial na ABP do curso médico da Unimontes: desafios e possibilidades. [dissertação]. São Paulo (SP): Universidade Federal de São Paulo; 2010.

Bellodi PL, Martins MA. Tutoria: Mentoring na formação médica. São Paulo (SP): Casa do Psicólogo; 2005. p. 79-80.

Hendry GD, Ryan G, Harris J. Group problems in problem-based learning. Med Teach. 2003;25(6):609-16. http://dx.doi.org/10.1080/0142159031000137427. PMid:15369908.

Rozendo CA, Casagrande LDR, Schneider JF, Pardini LC. Uma análise das práticas docentes de professores universitários da área de saúde. Rev Latino-Am Enfermagem. 1999;7(2):15-23. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11691999000200003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


IJHE é uma Publicação do Programa de Pós-Graduação Ensino em Saúde na Amazônia, Belém, Pará, Brasil