Gestão e gerenciamento dos níveis hierárquicos do programa nacional de controle da tuberculose

Alexandre Aguiar Pereira, Caroline Marinho Pereira, Fabiane Oliveira da Silva, Ivaneide Leal Ataíde Rodrigues, Marune Melo Távora, Margarete Feio Boulhosa

Resumo


Introdução: No Brasil, a tuberculose é um sério problema de saúde pública. O país ocupa o 18o lugar entre os 22 países responsáveis por 80% do total de casos de tuberculose no mundo. O atual Plano de Ação do Programa Nacional de Controle da Tuberculose (PNCT) está fundamentado na descentralização e horizontalização das ações de vigilância, prevenção e controle da doença. Esse estudo objetivou conhecer a estrutura e o funcionamento do PNCT em todos os níveis de gestão e gerenciamento (federal, estadual e municipal). Descrição da experiência: Relato de experiência realizado pelos discentes de Enfermagem do 4o ano, 8o semestre, Bloco II, da Universidade do Estado do Pará, juntamente com duas enfermeiras preceptoras. Foram realizadas visitas planejadas e rodas de conversas junto aos profissionais que atuam nos níveis responsáveis pela gestão e gerenciamento do Programa na cidade de Belém (PA), no período de 14/10 à 23/10/2015. Para o desenvolvimento das rodas de conversas, elaborou-se um cronograma de visitas e utilizou-se o Manual de Recomendações para o Controle da Tuberculose no Brasil do Ministério da Saúde. O PNCT é um programa hierarquizado, que atua de forma articulada em todo território nacional. Possui como principal ferramenta de informação o Sistema de Informação de Agravos e Notificação (Sinan), presente em todos os níveis. Considerações finais: O PNCT, enquanto política pública de saúde, visa a proteção da população e um atendimento de qualidade, unindo o trabalho e o esforço de todas as esferas governamentais do país. Afirma-se a necessidade de se realizarem atividades práticas como essa para a formação dos profissionais da saúde, para que estes possam conhecer a estrutura e o funcionamento do PNCT em todos os níveis de gestão e gerenciamento, tornando-os aptos a se inserirem no programa e a conduzi-lo com excelência considerando a importância dessa endemia para o estado do Pará.


Palavras-chave


Tuberculose, Gestão dos serviços de saúde, Política de saúde pública.

Texto completo:

PDF

Referências


Mota LA, Santos CM, Barbosa KM, Neto JR. Tuberculose laringea: revisão de literatura. ACTA. ORL/Técnicas em Otorrinolaringologia . 2010;28(1):24-6.

Barroso WJ. Boletim de Pneumologia Sanitária. 2001;9(2):27-32.

Brasil. Ministério da Saúde. Portal da Saúde/SUS. Tuberculose [Internet]. Brasília; 2015 [citado em 2015 Nov 23]. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=11045&Itemid=674

Prado TN, Caus AL, Marques M, Maciel EL, Golub JE, Miranda AE. Perfil epidemiológico de pacientes adultos com tuberculose e AIDS no estado do Espírito Santo, Brasil: relacionamento dos bancos de dados de tuberculose e AIDS. J BrasPneumol. 2011;37(1):93-9. PMid:21390437. http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37132011000100014.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Manual de recomendações para o controle da tuberculose no Brasil. Brasília; 2011. 284 p.

Chirinos NEC, Meirelles BHS. Fatores associados ao abandono do tratamento da tuberculose: uma revisão integrativa. Texto Contexto Enferm. 2011;20(3):406-599. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072011000300023.

Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Educação a Distância para Controle da tuberculose: uma proposta de integração ensino-serviço [Internet]. Rio de Janeiro: EAD/ENSP; 2008 [citado em 2015 Nov 23]. Disponível em: http://www.saude.mt.gov.br/upload/documento/81/controle-da-tuberculose-uma-proposta-de-integracao-ensino-servico-%5B81-080909-SES-MT%5D.pdf

Brasil. Ministério da Saude. Sistema de Informação de Agravos de Notificação – Sinan. Portal da Saúde. O que é o Sinan? [Internet]. Brasília; 2012 [citado em 2015 Nov 23]. Disponível em: http://dtr2004.saude.gov.br/sinanweb/index.php?name=Tnet


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


IJHE é uma Publicação do Programa de Pós-Graduação Ensino em Saúde na Amazônia, Belém, Pará, Brasil